FANDOM


Egiku (土の精) é um yōkai da Península da Malásia. Ele aparece junto com os outros yōkai malaios que fugiram para Floresta GeGeGe em "Invasão! O Exército de Backbeard", no anime de 2018.

Lenda

Egiku é um yōkai que só pode ser visto por crianças menores de 10 anos. Devido a sua aparência desagradável as crianças geralmente começam a chorar ao vê-lo, sendo também muito difícil de se livrar dele.

Características

Aparência

Egiku tem uma cabeça grande, retangular, com um pequeno tronc, membros longos e finos, com os braços ao lado da boca, grandes orelhas pontudas e pele cor de laranja. Ele tem um par de olhos com esclera amarela e pupilas negras, um nariz pequeno e uma boca grande com lábios grossos que está cheio de dentes planos.

Personalidade

História

Egiku estava entre os poucos yōkai que conseguiram escapar da destruição de sua ilha. Eles foram para o Japão e conheceram a Família Kitarō, que inicialmente os receberam bem na Floresta GeGeGe, como se fossem companheiros yōkai. No entanto, Tsuchi no Sei e os outros tinham costumes e tradições diferentes dos yōkai japoneses, o que levou a uma discussão entre os dois grupos.

Enquanto eles tentaram resolver o conflito separando-se um do outro, Agnès aparece de repente de uma jóia deixada por Nezumi-Otoko. Logo depois dela, Wolfgang aparece também, pedindo a Agnès para retornar ao castelo. Miminaga identifica Wolfgang como o responsável por destruir sua casa e matar seus amigos, fazendo com que eles se escondessem atrás de alguns arbustos. Miminaga logo o encara, determinado a lutar por sua nova casa, mas Wolfgang rapidamente o mata. Egiku e os outros pulam nele em uma tentativa de vingá-lo, mas eles foram mortos um após o outro. Mais tarde, a Família Kitarō constroí lápides para seus amigos mortos, incluindo um para Egiku, deixando uma xícara de saquê para ele.[1]

Referências

  1. "Invasão! O Exército de Backbeard", Episódio 27, Anime de 2018

Navegação

Yōkai da Malásia
v  d  e
Yōkai e outros elementos mágicos da 6ª Série
Kitarō e Aliados
Ameaças
Outros
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.